Crítica | Lego Ninjago: O Filme

Lego Ninjago: mais um filme destinado unicamente às crianças.

A série de filmes Lego é trazida, desta vez, com a história de Lloyd, um garoto que tem o maior vilão da cidade sendo seu pai (o que o rende uma clássica situação de isolamento e bullying da parte dos colegas com ele), e que, para derrotá-lo, precisa do suporte de seus colegas ninjas – uma legião que defende a cidade dos constantes ataques. Basicamente, a mesma história de sempre.

O foco do roteiro, visivelmente, era focar na relação de pai e filho – o que fez com que o resto dos personagens e histórias paralelas fossem desmerecidas ao longo dos minutos, mas a moral da história (completamente paternal) não conseguiu atingir ao seu público alvo, as crianças, e sim aos adultos. Isso se deve ao fato de que elas estavam muito mais interessadas nas piadas infantis, gírias da dublagem, efeitos especiais e cenas de ação – notei muito disso por ter assistido em uma sessão lotada de crianças que esbanjavam emoções a cada luta.

Então o roteiro em si agrada mais aos pais que às crianças, que se importaram essencialmente com as emoções e aventuras que aos valores familiares. Há uma reviravolta inesperada ao longo do filme, um gato, mas que poderia ter sido previsto facilmente se a atenção tivesse sido mais focalizada no início (com Jack Chan). O enredo, em si, tinha uma sequência ilógica dos fatos, confuso, sem uma ordem pré-estabelecida. O alívio cômico muito infantil rouba gargalhadas das crianças, tal com sua linguagem bem jovial e cheia de gírias atuais. Isto é visto com força na dublagem brasileira, que foi um dos grandes acertos para o público de nosso país. Personalidades trazem suas famosas vozes, como Charles Emmanuel, por exemplo, e fizeram dos diálogos algo mais interessante.

O final do filme é um pouco inconclusivo, sem um desfecho em si, mas que agradou bastante ao público infantil. Divertido, com aventura, é mais um filme pipoca que tem seu público estabelecido, alcançado e agradado com sucesso.

O filme estréia dia 28 de setembro de 2017, nos cinemas.

Anúncios

Um comentário sobre “Crítica | Lego Ninjago: O Filme

Comentem! Vou adorar saber o que acharam!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s