Review | Hyung (2016)

Mais uma vez estou trazendo um pouco sobre o cinema coreano, do meu ator favorito. Hyung, com o Do KyungSoo!

Resultado de imagem para kyungsooPara quem gosta de filmes dramáticos, este é o filme. Mais uma obra prima da Coréia do Sul, dessa vez estrelada por Do KyungSoo (perdão, mas não sei ser imparcial com meu bias ultimate, mas é o maravilhoso D.O do EXO), Jo Jung-Suk e Park Shin Hye. Se você é novo nesse mundo da cultura coreana, vou te explicar o título do filme: Hyung (형) significa “irmão mais velho”, ou pessoa mais velha que você – termo usado de homem para homem. E no caso do filme, é irmão mais velho e a sua relação.

Me permitam contextualizar: já avisando que vou usar os nomes dos atores ao invés dos personagens, para não ficar confuso para vocês o KyungSoo e Jung-Suk são irmãos apenas por parte de pai, sendo KyungSoo o mais novo. O filme inicia-se com uma cena do mais novo lutando judô (esporte do qual passou a vida atuando, e que era verdadeiramente excelente, conhecido por toda a Coréia) e sofrendo algum acidente, caindo no chão. No momento não entendemos o que é, mas veremos mais adiante. A cena passa e vimos o mais velho na cadeia conversando com alguns oficiais a respeito de uma condicional para cuidar do irmão, que além de ter perdido os pais há dois anos (aos 18) ele ainda está passando por esse momento difícil (do acidente), e bem teatralmente ele convence a todos e consegue uma condicional de um ano para viver com o irmão. E é aí que a trama começa.

Resultado de imagem para Jo Jung-Suk

Assim que o mais velho chega em casa nós percebemos o que foi que aconteceu com KyungSoo: ele está completamente cego, sem previsão alguma de melhora, sem otimismo. Ele tinha abandonado a carreira nos esportes, ficava dias e noites trancado no escuro, mal comia, beirando uma depressão. A princípio ambos estranham-se, e o mais velho (que, afinal, estava na cadeia, não era uma pessoa muito boa, um gângster, e agiu com muito desdém da deficiência do irmão). Eles brigam, um “expulsa” o outro da casa algumas vezes, e ambos vão deteriorando sua relação que já era ruim na infância.

Park Shin Hye, na verdade, é a treinadora de judô do KyungSoo, e seu papel é muito importante porque ela incentiva a sua entrada nas Paraolimpíadas no Brasil, em 2016, e ainda ajuda na formação de uma relação entre os dois irmãos.

Resultado de imagem para park shin hye

Eles acabam por ter que conviver, e começamos a ver cenas tristes, dramáticas, hilárias, uma após a outra. Como por exemplo e juro que não é spoiler quando o mais velho tenta ensinar o caçula a conquistar uma garota na balada com cantadas de cego e “olho espiritual”, ou quando encenaram em uma loja para conseguir compras de graça, dentre outras.

O filme, na verdade, tem um enfoque um pouco triste, porque mostra a realidade dos dois – que estão péssimas – e envolvem esperança de melhora ao se juntarem, mas de uma forma muito triste, como se isso fosse necessário. Jung-Suk, porém, após apoiar as Paraolimpíadas e erguer novamente a autoestima do irmão menor, mostra para nós sua fraqueza, uma doença, o que faz tudo desabar ao nosso ver. Logo se torna uma história de amor verdadeiro entre dois irmãos que estão completamente sozinhos no mundo, sem seus pais, sem muitos amigos, apenas um ao outro.

HYUNG.png

Vale citar os fanservices brasileiros: KyungSoo além de sambar na nossa frente junto ao irmão, ainda diz que vai trazer pra casa após as Paraolimpíadas uma brasileira que ele vai seduzir. Momento que todos se oferecem como tributo, não é mesmo?

Queria dizer que a atuação do D.O é perfeita de verdade. Em diversos momentos eu esquecia que ele não é cego na vida real. Suas expressões, as transparências de sentimentos, tudo me surpreendeu. É um dos melhores atores que a Coréia do Sul já teve, e é um dos meus filmes favoritos, e não apenas do cinema coreano, mas do cinema em si. Ele traz elementos do cinema cult que eu adoro e valorizo muito, e que deveria ser mais espalhado pelo mundo. Então deixo aqui a minha recomendação, e espero tê-los convencido de assistir. É um tesouro!

Anúncios

Comentem! Vou adorar saber o que acharam!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s